sábado, agosto 20, 2011

E que merda é um Passe-partout?

Tirar fotografias tipo passe é algo que causa stresse nas pessoas, não tenho a menor dúvida.
Não nos podemos esquecer que estas são as fotos que vão ser mostradas nas mesas de cafés a todos os amigos, quando a inevitável conversa de «deixa-me ver a tua foto de BI!!» começar. De um momento para o outro todos sacam da carteira de documentos e começa um frenesim de BIs, cartas de condução e cartões do cidadão a rolar de mão em mão. Segue-se a inevitável risada colectiva quando nos apercebemos do quão parolos éramos há 5 anos atrás, com mullets e poupas que nos fazem saídos de alguma série de adolescentes circa 1995.
Por isso eu quero que em 2016, quando me virem a fronha no passaporte as pessoas exclamem de emoção: «Robene, já nesta altura eras o gajo mais atraente e estiloso em que pus as vistas em cima».
Todos os cuidados são poucos: na minha última foto de BI estava de ressaca, com uns óculos pretos fundo de garrafa e um decote na t-shirt que deixava antever os pêlos do peito. Quando for um gajo famoso não posso nunca deixar esta foto cair em mãos erradas.
Por isso desta vez penteei-me decentemente, coloquei as lentes de contacto e vesti uma camisa.
Resta-me dizer que por muito que treine olhares no espelho de casa, acabo sempre com um ar de quem acabou de ser sodomizado a frio por um cabo verdiano. Desta vez não foi excepção. Por muito que o gajo insiste: «Olhos abertos!», «olha para o lado esquerdo!», «Ri-te um bocado!», acabei com uma foto em que pareço o Tom Yorke por alturas do Creep: um olho mais aberto que o outro, metade do colarinho da camisa dobrado para dentro, lábios semi cerrados como se fosse escarrar a seguir.

Estou já a comprar o photoshop online.

8 comentários:

Mary disse...

Sabe que já não precisa de tirar foto tipo passe para nenhum desses documentos, não sabe?

S. Anacriontico disse...

Atão ò Robene, o Passepartout não era o criado ou mordomo ou lá o que é, daquele gajo, o Phileas Fogg, que deu "A volta ao mundo em 80 dias"? Ai caraças, que não leste o Verne. E as "20.000 léguas (ou as 53.995,68 milhas náuticas, como se diria hoje)submarinas"? Também não?
Pois, é só festivais de rock, né? E leitura nicles. Ai Robene, filho, assim vais malzinho. Vais,vais.

Cristina disse...

Na última que tirei quando recebi a carta de condução em casa, pensei que não era a minha tal a desgraça da fotografia.

Essa só mostrarei a alguém mesmo em ultimo recurso, e mesmo assim acredito que de nada servirá pois ninguém me ira reconhecer tal é a desgraça.

Anónimo disse...

eh pah nem és homem se não puseres aqui a foto (brincadeirinha). já agora um pequeno parenteses então a publicidade no teu blog devia ser assim de uns rebuçados pá tosse, um xarope para-outro-efeito-qualquer, gurosan, xanax, cenas pó hemorroidal... Compal??? quem é que bebe essa cena?

Susana disse...

Um olho mais aberto que o outro é sempre assim uma coisa sensual num homem, pois. Vais ver, vão cair-te aos pés. :b

MA-S disse...

Ahah! Sodomizado por um cabo-verdiano...olha que a mim pareceu-me que estavas com AVC a decorrer.

Sandra disse...

Robene...és o maior pá! Farto-me de rir com o teu blogue. Depois dos anúncios, quem sabe, um contacto de editoras para fazer um livro hã?!

Herético disse...

Ou eles são muito maus fotógrafos, ou então não sei. Tenho fotos tiradas socialmente há 5 anos e não me pareço tão parolo como nas fotos do passe ou do b.i.