terça-feira, setembro 12, 2006

E agora?

Na nossa vida existem sempre momentos de indecisão. Será que fiz a escolha certa? Como será daqui para a frente? Qual o sentido da vida? Será que alguém notou que fui eu que me peidei no autocarro?
Neste momento eu e todos os da minha geração chegámos a um ponto em que estamos numa das seguintes situações:

1- Já acabei o curso e neste momento vivo outra vez com os meus pais. Fumo às escondidas e cravo minis aos amigos, uma vez que o dinheiro que os cotas me dão é todo para as putas. Tento preencher os meus dias a ver filmes como o Instinto fatal 2, mas já nem a Sharon Stone (que apesar de ter 45 anos e já ter tido um AVC ainda tem tetas bem empinadinhas) me tira este vazio que sinto cá dentro e que só consigo preencher quando choro que nem um bebé, ao aperceber-me que se acabou a boa vida.

2- Estou neste momento a fazer o estágio. Passo o tempo com os meus amigos que já acabaram o curso e que não fazem mais nada senão ver o instinto fatal 2 over and over. Ainda não percebi muito bem que estou a fazer nesta merda de curso, mas apercebo-me agora que na altura em que fiz a candidatura (há 5 anos) devia estar com uma puta nos cornos que me cortou a irrigação das veias que alimentam a parte do cérebro responsável pelas decisões sensatas. Choro que nem um bebé ao aperceber-me que se acabou a boa vida.

3- Mandei tudo para o caralho e agora tenho um show de transformismo no Boy’s R Us às quintas à noite sob o pseudónimo ‘Brás Portrás’. Nos tempos livres vejo o Instinto fatal 2 com os meus amigos que pertencem aos pontos 1 e 2. Aquela putéfia da Sharon Stone tem umas mamas de enlouquecer. Por mais estrogénio que ande enfardar nunca hei-de ficar como aquela cabra. Choro que nem um bebé ao aperceber-me disso.

A vida é bela? Só se for para o cabrão do Roberto Benigni.

2 comentários:

Goncalo Lourenco disse...

Uiiii, cuidado...
Parece-me que alguem deveria consultar as consultas de psiquiatria 1, cito , dois posts em cima, algures neste blog.
(se bem que continuo com algumas reservas relativamente à eficácia do tratamento que ia ser administrado).

Nem sabia que havia um Bar chamado Boys R'Us. Mas é bom saber que virar transformista á uma opção viável para quem anda indeciso como rumo a tomar na vida.

De qualquer forma acho que fico pelo segundo grupo.

arroz de pat disse...

Isso foi uma maneira mtoooo subtil de confessares aos amigos q vais às "meninas da vida"..? Ora vejamos...
qual de nós é q acabou o curso (zero cadeiras para setembro), está em casa com os pais, fuma às escondidas, bebe minis e vê filmes "over and over again"?
Robene, Robene...tens de ser mais discreto para não te incluirem no ponto 1!!! :-D