sábado, dezembro 19, 2009

Mon Chéri para todos

As compras de Natal são sempre uma chatice.
Compra-se para mãe, para o pai, para a irmã. E para a prima? E os avós? E a prostituta brasileira por quem me afeiçoei?
Estes pertencem ao grupo de pessoas de quem até gostamos, mas na verdade não nos apetece muito gastar dinheiro a comprar prendinhas de Natal. E chega a solução óbvia: comprar Mon Chéri.
Nunca conheci ninguém em toda a minha vida que gostasse de Mon Chéri. No entanto parece ser um sucesso de vendas. É mais barato que todos os outros chocolates e tem um nome francês, pelo que parece que até estamos a oferecer a «haute couture» do chocolate. Na verdade estamos a dar algo que no ano seguinte será reciclado e oferecido novamente a alguém, muito provavelmente a pessoa que o ofereceu em primeiro lugar.
Oferecer Mon Chéri é como quem diz:«Lembrei-me de ti. Eras o último da lista.»
Por favor amigos, este ano ofereçam-me maços de Camel. O preço é o mesmo, e vou realmente gostar.

4 comentários:

Miss Kin disse...

Olha que aqui em casa os ditos chocolates não duram que a minha mãe não deixa!

Magnose disse...

J'aime mon cheri!

jacare disse...

Boa ideia! Eu quero packs de Super Bock, garrafas de Bacardi e maços de Ventil. E o Jude Law.

Bluebluesky disse...

eu por acaso tb gosto. Mas olha, não recicles isso para oferecer pq o licor evapora num par de meses.. lol :-)